Visite nossa
loja virtual
 
 

4 dicas para dinamizar a catequese com as crianças

22.Janeiro.2020
 

A catequese é um momento muito especial de preparação para quem receberá os sacramentos, em especial a Eucaristia, momento em que toda a família se prepara para que a criança receba, pela primeira vez, Corpo e Sangue de Cristo! 

Um dos mais importantes serviços da Igreja, é na Catequese que se dá a iniciação à vida cristã, com os ensinamentos da fé em comunidade e estudo da Palavra de Deus. 
A catequese da Primeira Eucaristia tem um público homogêneo, geralmente formado por crianças entre 9 e 12 anos de idade. Para contribuir com os catequistas na missão de evangelizar com dinamicidade, aqui vão algumas dicas!

#1 Conheça bem os catequizandos

Essa primeira dica é extremamente importante em qualquer situação em que se reunirá um grupo de pessoas. Nos estudos, no trabalho, entre amigos, na família, na igreja. Em qualquer lugar, é preciso conhecer a pessoa que está ao seu lado, mesmo que compartilhando poucos minutos do seu dia. 

Conhecer a pessoa não é ser amigo íntimo. Se chegar nesse nível, ótimo, desde que seja de forma natural, numa abertura mútua, mas é preciso conhecer quem é aquela pessoa, o que faz da vida, quais são seus desafios, descobrir seus medos, quais são as suas dúvidas e, principalmente, como é o relacionamento dela com Jesus. 

Há crianças que chegam aos encontros da catequese sem nunca terem ido à missa por vontade própria e que conhecem Jesus somente de nome. Por outro lado, há crianças que já foram orientadas e motivadas pelos pais a viverem uma vida de práticas religiosas e que crescem com os ensinamentos da fé. 

Por esse motivo é que os catequistas devem conhecer como é formada a turma. Somente assim, será possível apresentar Jesus de forma pessoal a cada um.

#2 Promover encontros dinâmicos e sem cara de sala de aula

Os encontros de catequese não devem ser encarados como uma escola de religião, mas devem ser apresentados como um local onde se conhecerá Jesus. É claro que não se pode abrir mão de orientações e ensinos sobre a fé e a doutrina católica, mas é preciso dar prioridade ao encontro pessoal com Jesus, traduzindo o conteúdo dos documentos da Igreja à linguagem da criança, aos formatos como ela compreende e como gosta de interagir. 

Em alguns momentos, pense numa peça teatral, envolva as crianças com os personagens, fantoches, ilustrações... Tudo isso inspira e ativa a criatividade, para fazer com que os pequenos assimilem e retenham os conteúdos!

#3 Use variados recursos didáticos nos encontros

Os encontros de catequese precisam ser motivadores e dinâmicos. Os catequistas devem usar bastante da criatividade para viver esses momentos. Dependendo da estrutura que se tem na paróquia, é possível fazer diversas dinâmicas, mas aqui apresentamos algumas atividades que podem ser feitas em qualquer lugar:
- Apresentações artísticas com um grupo de artes da paróquia
- Exibição de filmes e discussão sobre a temática deste filme
- Encontros externos, com um piquenique
- Criação de jogos, como pergunta e respostas

#4 Aproximar as crianças dos sacerdotes e das vocações

As crianças se encantam facilmente, mas com a mesma facilidade se traumatizam ou criam bloqueios. Durante a catequese da Primeira Eucaristia, as crianças participam das missas e têm contato com os padres, mas nem sempre tem a oportunidade de conhecê-los como seres humanos como os demais, criando uma imagem distante de ser alcançada. 

Se houver possibilidades, promover alguns encontros em que o sacerdote, irmãs religiosas ou outras pessoas vocacionadas possam interagir com as crianças de modo leve e simples é uma boa oportunidade, de modo a mostrar para os pequenos como cada um tem seu lugar na vida da Igreja e isso pode ser alimentado para ser descoberto e vivido desde a infância. 

Gostou dessas dicas?

A Editora Ave-Maria é parceria dos catequistas e da paróquia de longa data, prezando sempre por publicações que inspirem e animem o serviço pastoral. Confira aqui a Coleção Sementes, um projeto de iniciação à vida cristã para catequizar as crianças da sua paróquia!

 
 
 
 
Comente com o facebook